sábado, 8 de junho de 2013

As Vantagens de ser Invisivel - Download Ebook





E ai pessoal \o\ nem sei se alguem le periodicamente isso aqui, e com certeza se lia parou neh, de tanto q eu sumo kkkkkk mas sacoméne, normal kkkkk
Volto então, depois de va-saber-quanto-tempo com um post sobre o lindo, divo, magnifico e inesquecivel As vantagens de Ser Invisivel.
Como vcs com certeza sabem, livros q viram filme tão super famosinhos, chega até a irritar (como diz Rodrigo, amigo meu), mas nunca nem vi o filme, e venho mesmo por meio deste post de regresso falar sobre o livro de Stephen Chbosky.
A obra conta, por meio de cartas, a história de Charlie, um garoto de (na maior parte do livro) 15 anos, que escreve para alguém que não o conhece, porquê "ela disse que você me ouviria e entenderia, e não tentou dormir com aquela pessoa naquela festa, embora pudesse ter feito isso. (...) Só preciso saber que existe alguém que ouve e entende, e não tenta dormir com as pessoas, mesmo que tenha oportunidade. Preciso saber que essas pessoas existem."
Na verdade Charlie não é o verdadeiro nome do menino, assim como todos os outros nomes são falsos, pois ele prefere permanecer anonimo para a pessoa à quem escreve. A história começa depois que o amigo de Charlie, Michael, morre, e um de seus colegas de escola diz ter sido suicidio. Charlie chora muito, e não tem outros amigos, ate conhecer Patrick, cujo apelido era Nada, e sua quase irmã (o pai de um casou com a mae do outro, ql é ql eu não sei) Sam. Eles são mais velhos q Charlie 3 anos, mas mesmo assim eles viram amigos em um jogo de futebol da escola, depois melhores amigos, e os dois incluem Charlie em suas vidas o máximo possivel. Em uma das festas q o levam, Patrick diz, se referindo a Charlie, "ele é invisivel" e depois que este fica confuso, lhe diz "Você vê as coisas. Você guarda silêncio sobre elas. Você compreende".
Charlie é simplesmente único, da forma que pensa a forma que vive, e da que nos escreve. Da forma como vê a própria vida e como nos faz sentir infinitos. Há tmb no livro um poema magnifico, de autor desconhecido. Possivelmente o mais bonito que eu ja li (é, eu vou cola-lo aqui)

"Me sinto infinito"

"Em uma folha de papel amarelo com linhas verdes ele escreveu um poema
E o intitulou "Chops" porque era o nome de seu cão
E era o que estava em toda parte
E seu professor lhe deu um A e uma estrela dourada
E sua mãe o abraçou à porta da cozinha e leu o poema para as tias
Era o ano em que o padre Tracy levava todas as crianças ao zoológico
E ele deixou que cantassem no ônibus
E sua irmãzinha tinha nascido com unhas minúsculas e nenhum cabelo
E sua mãe e seu pai se beijaram tanto
E a garota da esquina mandou para ele
um cartão de Dias dos Namorados assinado com vários X
e ele teve de perguntar ao pai o que significava X
E seu pai deixou que ele dormisse na sua cama à noite
E era sempre lá que ele dormia
Em uma folha de papel com linhas azuis
ele escreveu um poema
E o intitulou "Outono"
porque era o nome da estação
E era o que estava em toda parte
E seu professor lhe deu um A
e o pediu para escrever com mais clareza
E sua mãe não o abraçou à porta da cozinha
por causa da pintura nova
E as crianças disseram a ele que o padre Tracy fumava cigarros
E largava as guimbas no banco da igreja
E às vezes elas faziam buracos
Que era o ano de sua irmã usar óculos
com lentes grossas e armação preta
E a garota da esquina riu quando ele pediu para ver Papai Noel
E os garotos perguntaram por que a mãe e o pai se beijavam tanto
E seu pai não o cobria mais na cama à noite
E seu pai ficou furioso quando ele chorou por isso.
Em um pedaço de papel de seu caderno
ele escreveu um poema
E o intitulou "Inocência: Uma Questão"
porque a questão era sobre uma garota
E isso estava em toda parte
E seu professor lhe deu um A
e um olhar muito estranho
E sua mãe não o abraçou à porta da cozinha
porque ele nunca o mostrou a ela
Foi o primeiro ano depois da morte do padre Tracy
E ele esqueceu como terminava o Creio em Deus Pai
E ele pegou a irmã se agarrando na varanda dos fundos
E sua mãe e seu pai nunca se beijavam
nem mesmo conversavam
E a garota da esquina
usava maquiagem demais
O que fez ele tossir quando a beijou mas ele a beijou mesmo assim porque era a coisa certa a fazer
E às três da manhã ele se aninhou na cama, seu pai roncava alto
É por isso que no verso de uma folha de papel pardo ele tentou outro poema
E o intitulou de "Absolutamente Nada"
Porque era o que estava em toda parte
E ele se deu um A e um corte em cada maldito pulso
E se encostou na porta do banheiro
porque nessa hora ele não pensou que poderia alcançar a cozinha."




Perfeito, não é? *-* Acho q o estilo do livro pode ser bem representado por esse poema, pq é exatamente o sentimento de "mexer" com você, chega a ser assustador. Todas as pessoas que eu conheci que leram esse livro (ou seja, Rodrigo e Lara <3) concordaram comigo que é simplesmente impossivel parar de ler, ele te prende, faz vc se apegar de forma que o que realmente vai acontecer não importa, vc apenas quer 'estar' com Charlie e ouvir o que ele tem a dizer; você quer conhecer os fatos que ele achou importante contar e quais pessoas ele conheceu, quer saber o que sentiu e o que ele espera sentir, e a forma maravilhosa que ele ama a Sam, ama por ela ser quem é, e como ela é perfeita na concepção dele; de como Patrick é uma pessoa maravilhosa e a forma que a irmã de Charlie aparece na história. É tudo tão encantador, faz você acreditar que a vida vale a pena ser vivida. (e como diria piadinhas de facebook: é o unico filme onde podemos ver o Percy pegando a Hermione :P)


Bom, falando um pouco sobre o filme (que por sinal eu ainda não vi), podemos colar satisfatoriamente informações de outro site, graças a Deus kkkkkk (por favor, pessoa q pretende fazer um comentário ofensivo sobre isso, o link para o site do qual copiei a informação é este e eu só colo pra facilitar a visualization de quem ta lendo o post, se quiser, clique na letrinha musical e seja happy no site original das informações tecnicas)

  • Lançamento
    (1h 43min
  • Dirigido por
    Stephen Chbosky
  • Com
    Logan Lerman, Emma Watson, Ezra Miller
  • Gênero
    Comédia dramática , Romance
  • Nacionalidade
    EUA
Fiquei super na emoção aqui agora vendo que a atriz que interpreta a Tia Helen é a mesma que faz a Rose de Two and a Half Man *-*

Bom, enfim, como eu realmente quero que vcs leiam este livro, fui la eu linda e bela aprender a upar o bagulho só pra postar o link aqui u-u (me amem) (não sei se deu certo esse barato pq nunca tinha feito pela mediafire, e quando eu abro o link aqui vai pra minha conta, então se estiver errado, por favor, avise nos comentarios q assim q eu vê-lo, eu conserto \o)²

Baixe aqui o seu ebook super lindo <3

E como um brindesinho que se faz necessario na minha opinião, upei tmb a musica Asleep, do The Smiths, que é mto falada no livro e é linda como ele <3 pq eu upei? Pq um tempo atras eu não conseguia de forma alguma baixar minhas musicas, então pra pessoas que tem o mesmo problema que eu tinha, aqui esta a linda Asleep: ♥ ♥ ♥ 

Como avisinho final aqui do post, devo dizer q o Ebook não tá aqueeeelas coooisas, entendem, tem muitas palavras erradas e tudo o mais, mas no geral da pra entender super bem e é uma alternativa pra pobreza neh :\ kk

Espero sinceramente que o leiam, e o admirem tanto quanto eu, pq é uma das melhores obras em que ja coloquei os olhos e o coração. É, eu sei filosofar, me amem mais.

~nota adicional: este blog está inativo, me mudei para o Th3 Perks, passem lá, vão gostar :3~

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Frankenweenie


Oiee lindos *-* então... até com vergonha de voltar depois de tanto tempo :\ kk mas eu sinto falta disso aqui, acreditem ou não. Nem sei se alguem lê ainda, mas eu tenho uma quantidade encorajadora de acessos pra um blog (semi) desativado, então me bateu uma vontaaaaade de escrever aqui de novo *-* pretendo voltar com posts semanais, no minimo, principalmente pq peguei o e-mail da Mel e ai ela concordou em me ajudar a postar aqui (#to #duvidano #masokay); bom, eu falo da Mel depois, principalmente pq quero que ela que fale dela mesma kkkkkkkkk mas então, o post de hj (tempo que não digito isso, ai que emoção mais emocionante *-*) é sobre Frankenweenie, um filme de Tim Burton (o sr Fodão) que conta a historia de um menino, Victor, de uns 12 anos, por ae (eu fazendo sinapse ó, é com exatidão ) que mora com os pais e tem um meigo cachorrinho, Sparky, com quem passa grande parte do tempo e encena fimes com bonecos, stop motion e seu cachorro como monstro gigante que destroi a cidade (que fofo não *-*). Sparky segue Victor a todo canto, e é o melhor cachorro que ja vi kk [uma coisa que achei interessante no filme é que todos os colegas de escola sabiam o nome de Sparky e da importancia que ele tinha para o menino que gosta de ciências], mas num infeliz acidente em meio à um jogo de baseball, Sparky morre atropelado. Motivado pela aula de ciências com o novo professor, que demonstrou com um sapinho morto e correntes eletricas que os musculos ainda respondem a comandos nervosos, mesmo que artificiais,Victor constroi uma forma de ressuscitar seu cachorrinho atropelado. Por obra do destino (mentira, obra do sr. Fodão), está acontecendo uma feira de ciencias na escola, que deixa todos enlouquecidos para vencê-la (todos virgula, Toshiaki - amigo de Toshiaki - Nassor - Edgar). Acontece que Sparky não permaneceu no sótão como seu dono mandou, e ao sair pras ruas próximas, Edgar o vê e usa isso pra chantagear Victor, fazendo com que o ensine a ressuscitar os animais mortos e para que ganhe a feira de ciencias, e essa informação, por meio da vangloriação do pobre menino esquisito e macabro, acaba caindo na mão dos colegas, que desejam, tmb, tentar esta forma de reviver pequenos animais.
Ok, não contarei o filme inteiro certo, mas posso dizer que é um filme de cachorro melhor que Hachi ou Marley e Eu (ok, daremos crédito a mais à Hachi por este ser um caso real, então retiro o que digitei, Hachi é mais emocionante.... melhor que Marley e Eu é sim, com certeza kkkkk). O mais incrivel e relevante em Frankenweenie é a história. Simplesmente é inacreditavel que uma paródia de Frankestein gire em torno de... uma feira de ciencias e um cachorrinho super fofo '-' por isso é tão surpreendente, é o tipo de coisa que contando parece muito idiota. Não existe um verdadeiro vilão nessa história, simplesmente a realidade sentimental mostrada em desejos egoistas de uma vitória, a ignorancia e o conservadorismo, mas não vilões. Só pequenos pedaços da realidade mostrados por meio de uma história totalmente incomum. Sinceramente, eu adorei. É incrivel. Um trabalho maravilhoso em qualidade stop motion que só o sr. Tim Fodão Burton consegue manter, mesmo sem a presença dos seus favoritos, Jonny Depp e Helena Bonham Carter (tmb sua esposa), apesar de eu e meu irmão termos levantados hipoteses da semelhança de Víctor com Depp [por curiosidade para vc que não sabe dos filmes de Tim, Victor tmb é o nome do protagonista de A Noiva Cadaver, o que me leva a crer que meu diretor e produtor favorito ama esse nome kkkkkk e o que acentua a semelhança com Depp, ja que o first Victor foi inspirado nele e dublado por ele.] Sinceramente, a tempos não assistia uma animação tão boa (mais ou menos desde Enrolados). Tim me surpreendendo mais uma vez, awn <3 na minha opinião, talvez seu melhor trabalho em tornar algo macabro e ocasional e de certa forma cômico em uma obra de arte. Recomendo, mesmo kkkkk ah, e só lembrando, o filme inteiro é em preto em branco, o que só acentua o visual sinistro e remete à sua inspiração, Frank kkkk

Em todas as definições que encontrei, essa loirinha é tida como "Menina Esquisita" (o que não deixa de ser vêro). Eu e meu bródi concordamos tmb que ela tavez seja a mais macabra de Tim, que nós conhecemos. Sinceramente, se eu fosse mais nova teria medo dela kkkkkk ainda mais com sua voz doce e enevoada. Alias, a dublagem do filme tmb estava ótima ^-

Edgar é incomodo e sinistro, com sua corcunda, seus dedos mais longos da mão direita e sua mania irritante de dizer verdades provocativas ou com sua tentativa de se engrandecer com o trabalho do colega, mas, no geral, gostei dele '-' kkkkkkkkkkkkkk visual macabramente cômico, uma mistura de criança pedindo atenção e pirralho maldoso.

Sr. Rzykruski, um visual perfeito de acadêmico, severo porém compreensivo, inteligente e com certa arrogancia orgulhosa, mas não ruim. Suas roupas, seu penteado, óculos e rosto longo, marcas de seriedade. Ele inspirou o pequeno Victor, dando-lhe tmb a ideia da bioeletricidade que desencadeou a possiblitação da "ressuscitação" de Sparky. Um digno professor, que não contradiz com sua ética propria, nem que isso lhe custe tudo.


Acima, Victor e Sparky (ainda vivo). O guri é doce, calmo, inteligente e esforçado, consegue manter sua personalidade assim em qualquer situação, como um cientista, que "faz as perguntas certas". Ele não é exatamente impactante, mas sim cativante.



Nessa cena começa a animação, onde os pais, Victor e Sparky assistem ao curta feito pelo menino, estrelando seu fofo cãozinho. O casal Frankenstein é calmo, ama o filho e faz o possivel para vê-lo bem, apesar de suas estranhesas. Edward é agente de viagens e Susan dona de casa, e eles procuram manter o filho o mais em paz possivel.

A utima de quem falarei, Elza é uma menina delicada e melancólica, amiga de Victor, que tem uma cadela chamada Perséfone, que é xonadinha no Sparky, ja que este é (era) (é) seu vizinho. Elza é tmb sobrinha do prefeito, e é escolhida como Garota Nova Holanda, para cantar no festival e usar um chapeu com velas '-' muito solidaria com Victor, se preocupando com seus sentimentos.

Simplesmente, um gênio. (FAVOR REPARAREM NA BONECA DE VICTORIA ALI EM CIMA, de A Noiva Cadaver, tmb em stop motion)

Bom, o que me resta dizer é: assistam este longa, pq é uma coisa absurdamente simples e ao mesmo tão, extremamente complexa.




sábado, 11 de agosto de 2012

Cosplays Gasai Yuno

Oie ^^ Bom, ja que não ando me expressando muito bem ~se é que algum dia consegui isso~, resolvi fazer um post de fotos, e a Yuno caiu como uma luva pra mim, pois estava procurando fotos dela para desenhar e  pro meu irmão usar na minha layout (meu irmão:  tipo né, ele faz exclusivas XD pagas kkkk), e percebi que existem muitas cosplays maravilhosas dessa personagem, e já que o anime ganhou meu respeito, resolvi postar elas.


Gasai Yuno (Yuno Gasai no sentido ocidental) é uma personagem primária do anime Mirai Nikki, que consiste em um jogo de sobrevivência, ao qual todos os 12 participantes são equipados com diarios que preveem o futuro (cada um de um jeito diferente, por exemplo, o Diário da Yuno/Segunda prevê o que Amano Yukkiteru fará nos próximos 10 minutos, o diario de Uryuu Mirene/Nona é o diário da fuga, e prevê a melhor rota para esta) e devem matar uns aos outros até que reste apenas um, que virá a se tornar Deus. Yuno ama Yukkiteru acima de tudo, e mante-lo vivo ate seu 'Happy End' é a prioridade. Ela é considerada por muitos uma personagem absolutamente macabra ~eu acho ela fodastica '-' ~ por ter um jeito tão meigo e ser tão boa assassina '-' 
Esse post não é pra falar do anime, então paro por aqui com um pequeno comentário: assistam, pois nunca existiu um anime com um final tão magnifico.





Essa ficou maravilhosa *-*

Linda linda, principalmente os olhos



Essa eu peguei por causa dos olhos, que estão muito perfeitos





"Yukkiiiiiiiiiiiiiiiiii *--*"




Bom, desculpem se peguei poucas fotos, mas espero que gostem ^^ e eu realmente recomendo esse anime Ç.Ç

~nota adicional: este blog está inativo, me mudei para o Th3 Perks, passem lá, vão gostar :3~

domingo, 22 de julho de 2012

Death Note

E ai minna ^^ sim, eu sumo, sim eu deixo de postar, e sim me desculpar não adianta ): mas mesmo assim, me desculpem u.u
Hoje eu to vindo com um post que na verdade, apesar de ser meio inutil, eu sempre tive vontade de fazer *-* sobre meu segundo anime favorito, Death Note. Digo que o post é meio inutil pq DN é um anime bem famoso e geralmente os otaku's já assistiram e quem não assistiu já deve no minimo ter ouvido falar, então não há uma real necessidade de falar sobre ele, mas, na boa, eu AMO falar de DN *-* simplesmente pq é o seinen mais perfeito existente e porque há nele a questão de justiça. Uma discussão que eu simplesmente amo abordar é o conceito L X Kira, pois o anime faz vc escolher um lado, porque mesmo sendo imparcial ou indeciso quanto aos ideais de cada um, você apoia um personagem. Ou você pode ser indeciso quanto aos personagens e apoiar uma ideologia. De qualquer jeito, discretamente o anime faz você escolher. E qual lado você escolhe? A qual personagem você é leal? O que pra você é a justiça?


Death Note é um mangá escrito por Tsugume Õba (se tem alguem cuja inteligência eu respeito, é esse cara) e ilustrado por Takeshi Obata, e a adaptação para anime foi dirigida por Tetsurõ Araki. DN começa com o Shinigami Ryuuku entediado com a podridão do mundo humano e shinigami. Yagami Raito (ou Ligth) tambem pondera sobre isso (no anime, ambos falam a frase "o mundo está podre!"), Então Ryuuku manda para o mundo humano um Death Note, Caderno da Morte, com instruções de uso, cuja a primeira é : O humano cujo o nome for escrito nesse caderno morrerá.
(Você pode ver as outras regras la no empadinha frita: © )

Raito encontra o caderno ao sair da escola (na verdade ele viu o Death Note cair do ceu quando ele ainda estava em aula, ai depois foi lá busca-lo, mas vocês entenderam o contexto '-') e de inicio não acredita nos poderes deste, mas resolve testa-lo, e ao comprovar suas funcionalidades malignas, decide usa-lo pra subjugar pessoas que ele julga podres (ladrões, assassinos, estupradores, etc). Depois de uns dias (acho que era 5), Ryuuku, seguindo as regras do Death Note, vai atras do humano que adquiriu sua posse. Ao ver o DN com o Raito, ele se (como podemos definir esse sentimento?) "surpreende" ao ver a carnificina que ele cometeu em um período tão curto de tempo.
Deixemos claro que, como o próprio Ryuuku diz, ele não está a favor ou contra ninguém, e tudo que faz é para sair do tédio (ou ocasionalmente por maçãs).
Raito tem a intenção de fazer com que as pessoas saibam que há um humano por trás das mortes, então mata todos os criminosos por ataque cardiaco, assim as pessoas na internet passam a chama-lo de Kira. A poilicia, é claro, se movimenta contra ele, e selecionam para o caso o considerado como melhor detetive do mundo atual, L. Sua identidade é desconhecida, e apenas seu mensageiro Watari é visto, geralmente segurando um laptop, nas reuniões, representando o L.
E como ele é fodão, digo, extremamente competente e versado de um raciocinio equivalente ao do Dumbledore, consegue perceber sem demora que Kira esta no japão, com um teste utilizando a midia, a cidade em que está e depois estudando os horarios das mortes que ele é um provavel estudante. Como o Raito é narcisista e subestima a policia, seu pai sendo um dos integrantes do caso Kira, ele se infiltra e se utiliza de informações da policia, e o L percebe isso. (sim, eu acho que o Raito só fez idiotice u_u)..... (e acho tmb q o L é fodão u_u) Tá, depois disso eles começam sua guerra silenciosa, onde quem tiver a identidade descoberta antes, morre. Kira, testando as capacidades do seu Death Note, manda uma mensagem para L, que eu vou colocar aqui:

Vejo, hoje, que
O escapar é-me já impossível
Cercado, com destino desde já
‘Executado, em breve
Saborearei o leve cálice da perdição
Aquele que clama pelo meu coração,
Beija a face da morte e
Indica meu caminho, minha sorte.
Assim, percebo-Para Kira, sou,
Literalmente, a mira.

Deuses, levem-me desta ilusão
Da porta desta prisão
Morte ser-me-á a redenção.

, espero minha hora.
Comem, aqueles que estão lá fora
Maçãs do pecado sob a aurora.



(Eu acho mto loko esse textinho *-*) Continuando: bom, não vou mais fazer spoilers sobre o anime, mas vou apresentar os ideais de ambos e falar sobre a ideia do anime, no meu conceito.

L - Ryuuga Rideki - Ryuuzaki - Lawliet

Bom, a essa altura do post vcs devem ter percebido que sou a favor do L. E quero comentar isso antes: uma amiga me disse uma vez "odeio essas pessoas que defendem o L só pra parecerem bonzinhos ou pq acham ele mais bonito". Eu não sou uma dessas. [falo mais sobre isso depois de apresentar os dois]. Lawliet afirma que a justiça não será alcançada por meio da violência, ele preza a vida de cada humano e em todo o anime, se utilizou apenas de Lind L. Taylor, um prisioneiro no corredor da morte que foi apresentado em rede nacional japonesa como L, e se nada lhe acontecesse, este seria liberto, mas Kira realmente o matou. L se preocupa com cada subordinado, e os trata muito bem, procurando mante-los fora de risco vital, e confiou neles a ponto de mostrar-lhes sua face. Eu particularmente acho o L mais inteligente, não só pq gosto mais dele, mas tmb pq ele sempre teve que seguir "regras", sejam elas leis, regras proprias de ética ou as regras impostas pelo proprio Raito, que não segue regra nenhuma. L sempre teve limites, e seus planos tinham que se moldar aos de Kira, para poder antecipa-lo. (O L é incrivel u.u fim u.u não sei ser imparcial '-')

Yagami Raito - Kira

Yagami Raito acredita que o mundo atual está podre, e alguém deve purifica-lo a qualquer custo. Ele nem mesmo se incomoda ao saber que, após usar o Death Note, ele "não poderá ir nem para o céu nem para o inferno". Mas ele, acreditando ser o unico que pode fazer deste mundo um lugar "limpo", não aceitou desistir de metade da sua expectativa de vida pelos olhos do Shinigami, e para isso ele precisa de Amane Misa (Misa Misa), que os possui, e por esta idolatra-lo, ele a usa. [OBS: os olhos do Shinigami permitem que quem os possui veja o nome e a expectativa de vida dos seres humanos - exceto a sua propria expectativa de vida e a de outros donos de Death Note's - apenas ao olhar para suas faces] Raito inicialmente não se importa com as consequências de seus atos (o que lhe trás muitos problemas que teriam sido evitados com um pouco mais de cuidado) e mesmo quando consegue se manter "fora de suspeitas", subestima seus inimigos e não se importa realmente com seus aliados. Admito que Kira, mais ou menos no meio da trama, realiza um plano espetacular para deixa-lo fora de suspeitas, e apesar de L ter praticamente certeza de como este fora efetuado, havia um pequeno detalhe que o impedia de provar que Raito é Kira. Yagami-kun pretende ser "o rei do novo mundo", e muitos o apoiam.



No decorrer do anime, podemos perceber que não nos é decretado o que é justiça. É claro que no final um lado ganha, mas este nunca foi demarcado como tal. Por isso amo esse anime, ele lhe deixa a escolha, e o lado que você escolhe pode acabar falando um pouco de você, afinal, vc escolhe entre justiça por meio da violencia ou espera pela lei, que muitas vezes é falha. É uma questão a ser pensada, ainda mais pq julgarão você pela escolha: se você fica do lado do L, quer se passar de bonzinho, hipócrita. Se fica do lado do Kira, é rebelde ou mau. Me disseram que geralmente quem fica do lado do Kira é mais julgado, mas eu não acho, pq a maioria das pessoas gosta de transparecer rebeldia, e "justiça com as próprias mãos". Ja quem assume apoiar L, passa como hipócrita, e sempre foi assim comigo, ja me disseram que eu quero passar por boazinha, e na verdade acho que os criminosos deveriam morrer, só nao admito. Eu não vou discutir sobre isso não pq na verdade não sou totalmente contra a ideologia do Kira, mas eu acho que os fins não justificam os meios, e ele não deveria ter feito as próprias regras. Raito, ao virar Kira, perdeu toda ~ou quase toda~ sua ética. Nada mais importava, o novo mundo existiria e as legislações seriam reescrita com sangue de criminosos. Talvez essa fosse a ideia, mas ao misturar inocentes, ele perdeu a moral que tinha comigo. Na minha opinião, se ele tivesse ficado quietinho na dele, talvez acabasse tudo saindo como planejado, sem inocentes no meio, sem guera e sem nenhum problema (mas principalmente sem anime, então neh XD dexa quieto isso XD), L podia não ser perfeito, mas fez de tudo para salvar cada pessoa que pôde. Respeitar as regras e ficar contra um assassino que mata sem precisar encostar na pessoa não é nada facil, e ele colocou tudo nisso, não importava o preço, Kira tinha que cair. ~dexa eu parar de digitar antes que eu conte o anime~



Existem mais dois personagens muito importantes, mas eu não queria falar sobre eles pq meio que dá pra deduzir um spoiler do anime :/ Mas vou colocar as fotos deles:


Mello - M

Mello é chocolatra e morde suas barras de chocolate de um jeito mto sexy, LOL kk


Near - N
Near gosta de jogos de tabuleiro, empilhar peças e coisas do genero. 


~achei essa foto fofinha~

Eu e meu irmão costumamos dizer que desses dois, cada um pegou um vicio de L, centrou e expandiu '-' L ama doces e costuma empilhar coisas. M ama chocolate, N empilha, é '-'


Bom, acho que acabei o post ^^ Obrigada por lerem *-*

~nota adicional: este blog está inativo, me mudei para o Th3 Perks, passem lá, vão gostar :3~

terça-feira, 12 de junho de 2012

Dia dos Namorados ♥

Oie gente ^^ ta, sei que eu sou muito desleixada com esse meu bloguinho lindo, e deev ser dificil pra vocês acreditarem que eu amo ele, mas sim, eu amo escrever aqui '-- perdão por demorar sempre pra postar, mas eu to um poço de nervos gente '-- (sim, eu sei que a expressão é "pilha de nervos", mas eu gosto de falar poço u.ú). Bom, hj foi o Dia dos namorados e tals '-' logico q td mundo percebeu isso, os forever alone's fazendo piadas em redes sociais e os casais comprando presentes '-' a televisão passando Idas e Vindas do Amor e o Google com coraçõezinhos. De qualquer jeito é meio dificil não perceber essa época contagiante, e sim, é fofinho *-* e blogs tmb fazem homenagens e derivados .-. eu costumo fazer posts comemorativos, então esse é mais um deles, ja que eu nunca tenho criatividade pra pensar em assuntos mesm '-- mas ok.
Vamos a nossa manjada Wikipédia, minha Deusa, minha fonte de conhecimento, trabalhos e qlqr assunto sobre o qual eu queira me informar

Dia dos Namorados ou Dia de São Valentim é uma data especial e comemorativa na qual se celebra a união amorosa entre casais sendo comum a troca de cartões e presentes com simbolismo de mesmo intuito, tais como as tradicionais caixas de bombons. No Brasil, a data é comemorada no dia 12 de junho. Em Portugaltambém acontecia o mesmo até há poucos anos, mas atualmente é mais comum a data ser celebrada em 14 de Fevereiro.

História

A história do Dia de São Valentim remonta a um obscuro dia de jejum tido em homenagem a São Valentim. A associação com o amor romântico chega depois do final da Idade Média, durante o qual o conceito de amor romântico foi formulado.
O bispo Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido ocasamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes.
Além de continuar celebrando casamentos, ele se casou secretamente, apesar da proibição do imperador. A prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte. Enquanto estava preso, muitos jovens lhe enviavam flores e bilhetes dizendo que ainda acreditavam no amor. Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão. Antes da execução, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado” ou “De seu Valentim”.
Considerado mártir pela Igreja Católica, a data de sua morte - 14 de fevereiro - também marca a véspera de lupercais, festas anuais celebradas na Roma antiga em honra de Juno (deusa da mulher e do matrimônio) e dePan (deus da natureza). Um dos rituais desse festival era a passeata da fertilidade, em que os sacerdotes caminhavam pela cidade batendo em todas as mulheres com correias de couro de cabra para assegurar a fecundidade.
Outra versão diz que no século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o The Valentine's Day. E na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta do(a) amado(a).
Atualmente, o dia é principalmente associado à troca mútua de recados de amor em forma de objetos simbólicos. Símbolos modernos incluem a silhueta de um coração e a figura de um Cupido com asas. Iniciada no século XIX, a prática de recados manuscritos deu lugar à troca de cartões de felicitação produzidos em massa. Estima-se que, mundo fora, aproximadamente mil milhões (Portugal) (um bilhão no Brasil) de cartões com mensagens românticas são enviados a cada ano, tornando esse dia um dos mais lucrativos do ano. Também se estima que as mulheres comprem aproximadamente 85% de todos os presentes no Brasil.
O dia de São Valentim era até há algumas décadas uma festa comemorada principalmente em países anglo-saxões, mas ao longo do século XX o hábito estendeu-se a muitos outros países.

Data no Brasil

No Brasil, a data é comemorada no dia 12 de Junho por ser véspera do 13 de Junho, Dia de Santo António, santo português com tradição de casamenteiro.
A data provavelmente surgiu no comércio paulista, quando o comerciante João Dória[5] trouxe a ideia do exterior e a apresentou aos comerciantes. A ideia se expandiu pelo Brasil, amparada pela correlação com o Dia de São Valentim — que nos países do hemisfério norte ocorre em 14 de fevereiro e é utilizada para incentivar a troca de presentes entre os apaixonados.



~~Pronto, fim da Wikipédia ~~

eu fico até em duvida se sigo o caminho desse post pros forever alone (pq como diz meu irmão, qm tem namorado(a) não vai tar na net hj) ou se faço homenagem pros namorados em geral '-- mas vou fazer dois setores, é.
Começamos com os casais que eu amo *--* de filmes, animes, o que me ocorrer na hr *-*

Harry e Gina Potter

Logicamente, para uma potterhead que nem eu, esse casal tem q entra neh *-* a Gina esperou uma média de 3 anos da vida dela pelo Harry, ate Hermione convence-la a desistir, qndo ela começou a sair com outros rapazes (no caso, 1° Miguel Corner no 4° ano - dela - e Dino Thomas no 5° ano - dela em Hogwarts). No 6° ano de Harry (5° dela) ele começa a perceber seus sentimentos pela ruivinha Weasley *-*  bom, demora, demora, demora, mas eles ficam juntos, lindos e meigos *-* claro q a cena do 1° beijo no livro foi melhor (mas minha opinião não é confiavel pq p mim os livros sempre são melhores), pra quem nunca leu, a Grifinória tinha acabado de ganhar a copa intercasas de Quadribol, mas Harry tava numa detenção, ai ele entra na sala comunal, e ela beija ele na frente de td mundo *--* inclusive do Rony *--* bom, admito q a cena na sala precisa teve seu encanto, mas o livro é mais emocionante, o medo do Harry de brigar com o Rony e taals *-* bom, vou passar p proximo casal antes q recomece minha velha discussão HP filme X livro '--


Minato e Kushina

Minato e Kushina são um dos casais mais lindos de animes *-* td pelo filho, e se ama muito *-* não tenho muito o que falar deles, pq néh, eu parei de assistir Naruto Shippuden '-- é, tmb achei q nunca aconteceria, mas é '-'

Inuyasha e Kagome
Um dos melhores tmb *-* e o mais lerdo ¬¬ mas a Kagome sempre fez de td para seu amor dar certo, mesmo ela tendo outros ''rapazes'' interessados. Inuyasha, sempre preso ao passado com a Kikyou acabou fazendo nossa Higurashi sofrer bastante, e nos esperavamos muito pelo beijo *-* (que no caso não foi esse acima), q só veio depois de 167 epis, e mais 26 do Inuaysha Kanketsu-hen, mas pelo menos veio neh *-*

Busijima e Takashi

HOTD é um anime perfeito '-' por mais falhoso que seja, pq eu amo esse casal '-' (há qm diga que eles não são um casal, mas vei, depois do beijo deles, e eles indo pra mansão abraçados, e td o resto '-- sim, eles são um casal), eles se separam dos outros no meio da invasão e vão p esse templo, qndo a Saeko-sama revela seu segredo para o Takashi, e ele diz "eu escolhi aceitar esse lado dela" *-* eu amo essa frase

Seth e Maggie
Quem ja entrou no meu blog antes sabe que esse é sem duvida meu casal favorito e meu filme favorito tmb *-* Em Cidade dos Anjos, Seth é um anjo interpretado por Nicholas Cage que se apaixona pela cirurgiã Maggie. Anjos podem aparecer para humanos qndo quiserem, ele passa a aparecer pra ela, e eles se apaixonam. Seth "cai" por ela, e... não vou falar mais '-- não lembro se ja contei o final em outro post, mas vamos deixar este em aberto '--

Sr e Sra Smith
 Sim, esse casão é fodão *-* (o Yan que me lembrou deles). O filme é pura violencia, uma doidera, e eles s/ao um casal legal, é. Entrar em guerra contra organizações não é pra qualquer um '-' não vou falar muito deles pq nem dia dos namorados é mais q passou de meia noite, pq eu atrasei, e tenho q acabar logo o post '--

John e Savannah

Sim, eu sei que ja disse que não gosto desse livro ò.ó e vcs devem pensar "pra qm não gosta ela fala mto dessa joça", mas é. Eu NÃO GOSTO DESSE LIVRO, massssssssssssssssss, o Gabriel ama u..u' e se ele ama esse casal, eu sou obrigada a conviver kkkkk e mais ainda, p ele a nossa historia lembra deles, então neh '-' Bom, ao casal, Savannah e John se conhecem nas duas semanas de licença dele no Exercito e se apaixonam. Eles esperam, se não me engano, 2 anos e pouco, mas Savannah acaba se apaixonando e se separa de John. Eles nunca deixam de se amar '-'

Vei, não sei o que escrever pros forever alone '-' bom, só quero dizer que quem não namora deve levar na curtição, q nem eu faço. Zoar com os amigos é a melhor coisa, não só hoje, td dia \o se vc não tem amigos, assista animes, ouça um bom rock, e vá dormir feliz, pq dia dos namorados não é a morte p qm ta sozinho \o e nem sempre é perfeito só pq esta namorando, procure ser feliz do seu jeito, e não se importe muito, vai atras do é seu, mas não PERMANEÇA atras, pq o que te pertence esta nos lugares mais simples. Eu não sou muito boa escrevendo esse tipo de coisa, mas eu sei que ninguem deve tar afim de ler mermo, o post ta ruinzin, se der vontade amanha eu edito, é \o


Flying Angel Heart